Nicolai Kondratiev. O 6° ciclo já começou e talvez você não tenha notado. O que vem agora?

Pouco mais de dois séculos nos separam em cinco ondas de Kondratiev, mas de agora em diante os ciclos serão um pouco mais complexos e talvez, mais curtos.

Para enxergar as megatendências sociais e econômicas é preciso conhecer o passado e estabelecer correlações de causas e efeitos. O russo Nicolai Kondratiev fez isso muito bem.

Os ciclos iniciam com invenções brilhantes e inovadoras, após período de depressão. Essas invenções geram novos negócios, que geram superlucros, seguidos de expansão do mercado. Surge a oferta por superprodução e a concorrência, que gera recessão, que gera depressão e tudo recomeça, com novas invenções brilhantes e inovadoras.

Estes dois infográficos da MA8 resumem as ondas passadas e identificam o 6° ciclo de Kondratiev, o qual, muito provavelmente, já iniciamos. O ponto interessante do primeiro gráfico é a visualização das ondas de Kondratiev junto com as revoluções industriais, desde a primeira, na Inglaterra por volta de 1770, até a quarta revolução (atual), da qual a Indústria 4.0 é apenas um capítulo.

Orlando Merluzzi

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s